CICLO HEINER MÜLLER

SESC PINHEIROS PROMOVE O CICLO HEINER MÜLLER, DRAMATURGO ALEMÃO QUE POR MEIO DE SUA OBRA LANÇOU UM OLHAR POÉTICO, FILOSÓFICO E POLÍTICO SOBRE O TERCEIRO MUNDO

DE 06 DE NOVEMBRO A 15 DE DEZEMBRO DE 2007

Programação composta de espetáculos, debates, leituras dramáticas, exibição de vídeo, performance e demonstração de processos com pesquisadores, atores, dramaturgos e diretores especialistas na obra de Heiner Muller

É no contexto de um estado em suspenso que Müller situa o Terceiro Mundo. E história é agora a história do Terceiro Mundo com todos os problemas de fome e superpopulação.  De um lado, objeto de colonização, exploração e refugo; de outro, lugar de caos e desordem, o Terceiro Mundo é visto por ele como fermento do novo – ilhas de desordem, espécie de tumores benignos na medida em que, forçando o convívio com camadas diversificadas de história e cultura, preparam o solo para a mudança.
(Koudela, Ingrid Dormien O ESPANTO NO TEATRO, SP: Ed. Perspectiva, 2003).

O SESC Pinheiros promove entre 06 de novembro e 15 de dezembro o Ciclo Heiner Muller. O projeto reúne pesquisadores, dramaturgos, atores, e diretores de teatro especializados na obra do dramaturgo, com o objetivo de criar um espaço de discussão sobre a obra de Heinner Müller nas diversas áreas de conhecimento abordadas no ciclo.

Os textos poéticos, os textos não dramatúrgicos e as peças teatrais de Heiner Muller serão apresentadas por meio de experimentos cênicos, performances, improvisações, exibição de vídeos e espetáculos. As encenações abordam os elementos da dramaturgia de Muller como repetição, texto preciso, deformação conceitual e aplicada, distanciamento e fala, elementos estes que servem de embasamento para importantes artistas da cena teatral até os dias de hoje.

Os debates e workshops pretendem contextualizar a obra do dramaturgo, discutir sua relação com o Brasil e outros paises do terceiro mundo, analisar a importância dos conceitos, teorias e práticas da obra dentro do universo teatral e na sociedade contemporânea.

O Ciclo Heiner Muller tem a curadoria do diretor Lenerson Polonini, que dirige o espetáculo Heiner Müller em Repertório - reunião das peças Medeamarial, Hamletmaschine e Descrição de Imagem. A peça é interpretada pela Cia. Nova de Teatro e integra o evento.

CONTEXTUALIZANDO HEINER MÜLLER (1929-1995)
O dramaturgo assume uma posição de destaque entre os dramaturgos alemães contemporâneos, recebeu inúmeras condecorações, entre elas o prêmio Büchner (1986) e o Prêmio Kleist (1991), sua obra oferece à crítica teatral uma multiplicidade de campos de trabalho. Ao lado de mais de sessenta textos teatrais publicou oitenta poemas e trinta textos em prosa. Além desses, encontramos mais de vinte traduções e quarenta resenhas.
Müller apresenta uma postura revolucionária em todos os seus aspectos, sua escrita, muitas vezes, apóia-se na noção de desestrutura, recusando modelos e formulas tradicionais.

 

A bibliografia sobre o autor também informa o quanto a palavra falada, a comunicação oral é importante para o dramaturgo. Ao lado de inúmeros pronunciamentos e contribuições para debate, chama atenção a quantidade de entrevistas e diálogos, que ultrapassam a cifra de cento e sessenta. Na sua heterogeneidade - o espectro vai, de acordo com os interlocutores, desde conteúdos de análise científica sobre formas de expressão poéticas até questões de política cultural, eles formam um complemento importante para os textos literários.
Entre nós, O Quarteto foi a primeira encenação brasileira, com direção de Gerald Thomas (1986).

PARTICIPANTES (ordem alfabética)
- Alunos de Artes Cênicas do Instituto de Artes da Unesp (Maria Fernanda Batalha, João Alves, Sofia Almeida, Pedro Bacellar) / Alunos de pós-graduação na ECA/USP  (Ramon Duarte Ayres e Evelyn Demarchi) / Berenice Raulino / Beth Lopes / Celso Frateschi / Christine Rohrig / Cia Acting-Out / Cia de Teatro em Quadrinhos / Cia. do Latão / Cia. Nova de Teatro (Denise Curtouké, Ricardo Leite, Gisele Petty e Marília Coelho) / Ingrid Dormien Koudela / Lenerson Polonini / Luiz Fernando Ramos / Marcio Aurélio / Marcio Meirelles / Marcos Bulhões / Marcos Renaux / Marilena Ansaldi / Ole Oldman / Rejane Arruda / Wilson Sukorski
_______________________________________________________________

PROGRAMAÇÃO COMPLETA CICLO HEINER MÜLLER

1. PALESTRA DE ABERTURA
REMEMORANDO HEINER MÜLLER
Com Ingrid Dormien Koudela
Dia 06/11 - ter, às 19h
A pesquisadora irá abordar a contextualização da obra. O teatro de Heiner Muller insiste na sua qualidade de tradução para outra unidade de tempo e espaço. Vídeo comentado: Hamletmaschine na encenação de Heiner Muller (Berlim,1989).

Sala de Oficinas – 2º Andar
Distribuição de senhas com 1h de antecedência no local | 100 vagas | Grátis

_______________________________________________________________

2. DEBATES

2.1 - HEINER MÜLLER E O BRASIL: O OLHAR NO BRANCO DO OLHO DA HISTÓRIA*
Com Ingrid Dormien Koudela e Marcio Aurélio
Medição - Luiz Fernando Ramos
Dia 07/11 - qua, às 20h10
A relação de Heiner Müller com o Brasil e os paises de terceiro mundo são os pontos de partida para este encontro.

2.2 - A ENCENAÇÃO DO TEATRO DE HEINER MÜLLER*
Com Ole Oldman e Marcio Meirelles
Mediação: Marcos Bulhões
Dia 08/11 - qui, 20h

2.3 - NAS ENTRELINHAS DA TRADUÇÃO, UM PERFIL DE HEINER MÜLLER*
Com Christine Rohrig e de Marcos Renaux
Mediação: Marcos Bulhões
Dia 09/11 - sex, às 20h

*Auditório – 3º Andar
Distribuição de senhas com 1h de antecedência no local | 100 vagas
Grátis

_____________________________________________________________________
3 - VIDEO COMENTADO

3.1 - A ENCENAÇÃO DE HAMLETMASCHINE*
Com Marilena Ansaldi e Marcio Aurélio
Dia 10/11- sab, às 18h
Neste encontro o diretor Marcio Aurélio e a atriz e bailarina Marilena Ansaldi comentam a montagem de “Hamletmachine” encenada na década de 80.

3.2 - EQUÍVOCOS COLECIONADOS*
Com Cia. do Latão
Dia 11/11- dom, às 18h
O filme, encenado pela Cia. do Latão, é um experimento cênico inspirado no livro homônimo que reúne entrevistas e escritos teóricos do dramaturgo alemão Heiner Muller

*Auditório – 3º Andar
Distribuição de senhas com 1h de antecedência no local| 100 vagas| Grátis

_______________________________________________________________

4 - PERFORMANCE

4.1 - 7 IMPROVISAÇÕES EM TORNO DE HEINER MÜLLER
Com Wilson Sukorski
Dia 06/11 - ter, 21h
Nestas improvisações, Wilson Sukorski utiliza vários dos elementos caros à dramaturgia de Heiner Muller : a repetição, o texto preciso, a deformação conceitual e aplicada, o distanciamento do ator em relação ao personagem, a fala como jorro.
Gravações são feitas com o ator Paulo César Pereio, sobre alguns dos trechos dos trabalhos de HM.

Sala de Oficinas – 2º Andar
Distribuição de senhas com 1h de antecedência no local| 100 vagas| Grátis

4.2 - O ANJO SEM SORTE
Com alunos da USP (Ramon Duarte Ayres e Evelyn Demarchi)
Direção: Ingrid Dormien Koudela
Dia 07/11 - qua, às 20h.

O Anjo Infeliz é um texto poético de Heiner Müller que se reporta ao debate contínuo há mais de quarenta anos, transformado assim em ícone na discussão das contradições entre revolução e religião, ativismo e resignação, engajamento político e perspectiva histórica.
Multimídia: Joaquim Gama
Duração: 10 minutos

Auditório – 3º Andar
Distribuição de senhas com 1h de antecedência no local | 100 vagas| Grátis

4.3 – PLAYGUM: COMPRE UM CHICLETE E GANHE UMA CENA
Com Alice Nogueira, Tatiana Ribeiro e Victor Nóvoa
Direção: Aura Cunha
Dias 10, 11, 17 e 18/11 – sáb e dom, das 13h às 15h

Inspirada livremente no texto “Peça Coração” é uma intervenção teatral caracterizada por uma máquina de vender chicletes. O espectador compra um chiclete e ganha de brinde uma cena improvisada por dois atores. Nesta concepção, o texto de Muller participa como ponto de apoio e estímulo para criação dos atores, que trabalham à disposição do público.

Térreo | Grátis
_______________________________________________________________

5 - DEMONSTRAÇÕES

5. 1 - FORA DO EIXO: PRIMEIRO FRAGMENTO DE “HAMLETMASCHINE*
Com a Cia Acting-Out
Direção: Rejane Arruda
Dia 14/11- qua, às 20h
A diretora junto com a Cia Acting-Out pesquisa a relação entre a produção do sentido e a abstração, e apresenta o work in progress de ¨HAMLET MACHINE¨, primeiro fragmento do espetáculo ¨FORA DO EIXO¨.

5.2 - QUARTETO EM DIAGONAL*
Com a Cia de Teatro em Quadrinhos
Direção: Beth Lopes
Dia 15/11 - qui, às 20h
Apresentação de fragmentos cênicos do espetáculo "Quarteto em Diagonal", baseado no texto de Heiner Müller. Beth Lopes promove uma reflexão cênica sobre seus processos criativos, unindo depoimentos dos atores, exercícios criativos e fragmentos do espetáculo num exercício-cena metalinguístico.

5.3 - HISTÓRIA DE AMOR: TEATRALIZAÇÃO DE UMA NARRATIVA*
Com alunos de Artes Cênicas do Instituto de Artes da Unesp (Maria Fernanda Batalha, João Alves, Sofia Almeida, Pedro Bacellar)
Coordenação: Berenice Raulino
Dia 16/11 - sex, às 20h
Transposição para a cena do texto não dramatúrgico História de Amor. Apresentação realizada com alunos de Artes Cênicas do Instituto de Artes da Unesp que participam de trabalho prático desenvolvido a partir da narrativa

5.4 – FATZERMATERIAL*
Com alunos de pós-graduação na ECA/USP
Coordenação: Ingrid Dormien Koudela
Dia 17/11 - sab, às 17h
Performance com alunos de pós-graduação da USP com o Fatzermaterial Experimento performático com diferentes versões de cenas escolhidas do Fatzermaterial. Desenvolvido com alunos de pós-graduação na ECA/USP, sob a coordenação de Ingrid Dormien Koudela.

5.5 – HORÁCIO*
Direção e atuação: Celso Frateschi
Dia 18/11 - dom, às 17h
Horácio é um solo de Celso Frateschi, que com este ganhou o Prêmio SHELL de melhor atuação. Trata-se de um espetáculo envolvente na sua simplicidade. Um tablado, um ponto de luz, uma moeda, uma máscara e um ator reduzido à menor grandeza, que concretiza em cena a dúvida e o espanto dos romanos ante as atitudes de seu mais nobre guerreiro. A beleza no essencial das palavras do texto e nos gestos do ator procura ativar a imaginação e o pensamento da platéia, colocando-a diante de questões éticas fundamentais.

*Sala de Oficinas – 2º Andar
Distribuição de senhas com uma hora de antecedência no local| 100 vagas| Grátis

_______________________________________________________________

6 - WORKSHOP

6.1 - DO TEXTO À CENA*
Com Rejane Arruda
Dia 14/11|qua, das 16h às 18h.*
No workshop “Do Texto à Cena” são transmitidos procedimentos para a construção de uma “situação de fala”: a apropriação do texto pela repetição da sua escrita, e a elaboração de sensações a partir de partituras, imagens e jogos.

6.2 - QUARTETO EM DIAGONAL - PROCESSO
Com Beth Lopes
Dia 15/11|qui, das 14h às 16h.*
Como uma forma de conjugar processos e resultados artísticos, a Companhia de Teatro em Quadrinhos apresenta os procedimentos criativos correspondentes à criação do espetáculo "Quarteto em Diagonal", colocando o público interessado em contato prático com o texto de Heiner Müller e a pesquisa cênica do grupo centrada na corporeidade do ator.

6.3 - O ATOR RAPSODO
Com Berenice Raulino
Dia 16/11|sex, das 16h às 18h.*
A partir do texto não-dramático História de Amor, de Heiner Müller, será realizado exercício prático, tendo como eixo as possibilidades cênicas que a narrativa comporta: presença ou não do narrador, narrador dentro e fora do espaço de ação, narrador-personagem, jogo cênico sem palavras, diálogos presentes na narrativa considerados como falas de um discurso teatral etc.

6.4 - EXPERIMENTAÇÕES CÊNICAS COM O FATZERMATERIAL
Com Ingrid Dormien Koudela
Dia 17/11 - sab, das 14h às 16h.*
Relato e experimentação cênica com o grupo de inscritos no workshop.

6.5 - TEATRO DE APRENDIZAGEM
Com Celso Frateschi
Dia 18/11|dom, das 14h às 16h
O workshop de Teatro de Aprendizagem terá como base a peça HORÁCIO de Heiner Müller. Contará com uma conversa introdutória onde serão colocadas as questões a serem trabalhadas. Em seguida teremos a representação da peça que servirá de provocação para a continuidade do trabalho que se desenvolverá pela relação estabelecida entre os participantes, tanto em nível formal como de conteúdo.

6.6 - HEINER MÜLLER EM REPERTÓRIO - PROCESSO
Com Cia. Nova de Teatro
Dia 30/11|sex, das 15h às 18h.*
O workshop tem como ponto de partida o processo de montagem de peças do autor sob a ótica do diretor e da Cia.Nova de Teatro. Coordenação: Lenerson Polonini.

Sala de Oficinas – 2º Andar
Inscrições Antecipadas no Balcão da Sala de Leitura a partir do 1º de novembro.

_______________________________________________________________

7 – ESPETÁCULO

HEINER MÜLLER EM REPERTÓRIO
Com a Cia. Nova de Teatro
Direção e ilminação: Lenerson Polonini
Elenco:Denise Curtouké, Ricardo Leite, Gisele Petty e Marília Coelho
Figurinos e Maquiagem: Carina Casuscelli.
Trilha Sonora: Wilson Sukorski
Videocenário: Cristian Cancino
Duração: 90 min.
De 23/11 a 15/12 - sex, às 20h e sab, às 19h
Espetáculo que reúne três peças do dramaturgo: "Medeamaterial", "Hamletmaschine" e "Descrição de Imagem". As peças propõem a convergência de linguagens como o teatro, dança, vídeo, música eletrônica e moda para abordar temas como a mercantilização e as guerras. Utilizando recursos cênicos mínimos, as três peças serão apresentadas em um único programa com quatro interpretes revezando-se nos personagens.

Auditório, 3º andar – 101 lugares
Recomendável para maiores de 12 anos.
Ingressos à venda pelo sistema INGRESSOSESC. R$ 12,00; R$ 6,00 (usuário matriculado, idosos e estudantes com carteirinha). R$ 3,00 (trabalhador no comércio e serviços matriculado e dependentes).


SOBRE OS PARTICIPANTES
- Berenice Raulino é Doutora em Teatro pela ECA/USP, professora da UNESP, onde atualmente coordena o Programa de Pós-Graduação em Artes. Atua, principalmente, nos seguintes temas: teatro brasileiro, dramaturgia, encenação e atuação.
- Beth Lopes é Doutora em Artes Cênicas e professora de interpretação do mesmo curso da ECA/USP.  Em sua formação e pesquisa voltada para o trabalho do ator, vivenciou e estudou a commedia dell’arte; o clown; o bufão; o mimodrama e o treinamento do ator na Antropologia Teatral.
- Celso Frateschi é ator, diretor e dramaturgo. Foi secretário da Cultura do Município de São Paulo entre 2001 e 2004.
- Christine Rohrig editou livros de grandes editoras como Cosac & Naify e Unesp. Tradutora de textos de Hiener Müller, Brecht, Goethe, entre muitos outros. Ilustradora, criadora do teatro de bolsa e autora de algumas peças.
- Companhia do Latão é um grupo teatral de São Paulo que desenvolve desde julho de 1997 uma pesquisa artística voltado para a reflexão crítica sobre a sociedade atual. Esse trabalho inclui a encenação de espetáculos, a edição da revista Vintém bem como uma série de experimentos cênicos, musicais e teorizantes.
- Ingrid Dormien Koudela é Livre Docente pela Escola de Comunicação e Artes da USP, coordenadora do Grupo de Trabalho em Pedagogia do Teatro e Teatro na Educação da ABRACE (Associação Brasileira de Artes Cênicas).
- Lenerson Polonini. Diretor e  fundador da Cia. Nova de Teatro vem desenvolvendo pesquisas sobre teatro visual . Dirigiu “Ato sem Palavras I e II” (2001), “Repertório Beckett”, “Berceuse”, versão em francês de “A Cadeira de Balanço”, com Renée Gumiel em 2002 e “Repertório Beckett 2” em 2003, “Repertório Beckett 3”  e “Ulisses” em 2005. Como curador e organizador desenvolveu os projetos “Beckett em Processo”, “Acesso Livre” e “Samuel Beckett - 100 anos”.Em 2007 dirigiu a performance Dante e Beatriz – Um passeio pelos Infenos de São Paulo.
- Luiz Fernando Ramos é Doutor em Literatura Brasileira pela USP (1997), encenador, dramaturgo, crítico de teatro e documentarista.
- Marcio Aurélio é professor de interpretação da UNICAMP. Diretor cenógrafo e figurinista. No longo estudo sobre a obra de Heiner Müller, montou Hamletmachine (1987), A Missão (1990), Peça Coração (1993), entre outros.
- Marcio Meirelles é Diretor teatral, cenógrafo e figurinista, Dirige o Teatro Vila Velha e o Bando de Teatro Olodum, além de extenso currículo como criador de cultura.
- Marcos Bulhões é Mestre em artes pela Universidade de São Paulo, possui diversas publicações em instituições culturais e um trabalho de 19 anos como ator.
- Marcos Renaux é tradutor e adaptador de peças teatrais americanas, alemãs e inglesas. Entre adaptações e traduções trabalhou com textos de Bertold Brecht, Heiner Müller, Noël Coward. Trabalhou ainda com diretores como Hector Babenco, Antônio Abujamra, e Gabriel Villela, entre outros.
- Marilena Ansaldi é atriz e coreógrafa. Pioneira na criação de espetáculos que unem dança, teatro e recursos multimídia, a intérprete-criadora é precursora da dança-teatro no Brasil.
- Rejane Arruda é formada em Artes Cênicas pela ECA/USP. Atua em pesquisa de mestrado sobre a apropriação do texto pela escrita e construção da fala a partir da livre-associação.
- Wilson Sukorski é compositor, músico eletrônico, performer multimídia, criador/produtor de conteúdos musicais para rádio/vídeo/cinema, designer e construtor de instrumentos musicais inusitados e pesquisador em áudio digital.

_____________________________________________________________________

• SERVIÇO
CICLO HEINER MÜLLER
De 06/11 a 15/12. Terça a sexta, das 16h às 22h; sábados e domingos e feriado, das 14h às 19h.
SESC Pinheiros
Endereço: Rua Paes Leme, 195
Horário de funcionamento da Unidade - Terças a sextas, das 13 às 22 horas. Sábados, domingos e feriados, das 10h às 19h horas.
Horário de funcionamento da Bilheteria: Terça a sexta das 10h às 21h30, aos sábados das 10h às 21h30, domingos e feriados das 10h às 18h30.
Tel: para informações: 11 3095.9400
Informações: 0800 118220
ESTACIONAMENTO – COM MANOBRISTA – VAGAS LIMITADAS - Veículos, motos e bicicletas - Terça a sexta, das 7h às 22h; Sábado, domingo, feriado, das 10h às 19h - Horários especiais para a programação do teatro. Taxas: Matriculados no SESC: R$ 5,00 as três primeiras horas e R$0,50 - a cada hora adicional // Não matriculados no SESC: R$7,00 as três  primeiras horas e R$1,00 - a cada hora adicional  // Para atividades no Teatro: Preço único: R$ 5,00
Informações sobre outras programações ligue 0800 118220 ou consulte o site: www.sescsp.org.br
Informações à Imprensa

Assessoria de Imprensa do SESC Pinheiros:
Telefone: (11) 3095-9425 - com Francisco Santinho / Andréia Lima / Maryana Campello
imprensa@pinheiros.sescsp.org.br

© 2013 by  COMPANHIA NOVA DE TEATRO.